Não se aflijam que náo venho fazaer o elogio do Marquês de Sade. Personagem ao qual nunca achei grande piada.

Talvez algum leitor mais atento saiba que tenho uns vizinhos, inúmeros e numerosos, que me dão cabo da vida e do descanso.

Faz agora 3 dias que me fui deitar tardiamente, com a vã esperança de que talvez eles não começassem a  partir tudo logo pelo raiar do sol, mas claro que começaram, e devo-lhes a ideia mais genial  que tive nos últimos anos, estava a sonhar com ela e tela-ia esquecido, não fossem aqueles anjos histéricos terem-me despertado no momento exato. Chega a ser estúpido de tão simples, mas lá que é fabulosa é.

Vivam os meus vizinhos esquizoides. E apesar de ateu chego a pensar que deus escreve direito por linhas tortas.

Anúncios